terça-feira, 22 de maio de 2012

Despedida - para mais tarde recordar

Na sexta-feira lá fomos à despedida do Tímido, que foi para a savana experimentar passarecas alcatroadas. Eu, o Tímido e o Testa não quisemos que a despedida fosse feita em ambiente íntimo e organizámos uma excursão de 3 carros cheios (15 macacos, portanto) e lá fomos, auto-estrada acima, rumo ao paraíso conal.
Uma paragem na estação de serviço para beber umas minis, onde conhecemos umas gajas feias de caralho que se vinham a picar connosco na estrada, e ala que se faz tarde.
Chegados à Casa, um abraço ao porteiro e siga cumprimentar a Tia, que já tínhamos saudades dela. Como levámos uns maçaricos que nunca tinham ido ao putedo, fizemos questão de os apresentar à Tia, para se sentirem mais à vontade.
Mais umas minis no bucho e eu já andava doido à procura dos meus amores. Azar do caralho, não estava lá nenhum deles. Mas conheci um novo... uma matulona, alta e poderosa. Estivemos um bocado à conversa e vamos mas é para o quarto, que a gaja daí a dias ia para a Suíça e um gajo nunca sabe quando as volta a ver.
Belas bombadas e tal, broche muito bem feito, uma espanholada pelo caminho, umas beijocas e está feito. Quando voltei ao bar, já o Testa andava a espetar a cabeça na pitchurreca da melhor amiga dele até ter ficado com a cabeça cheia de nhanha. O Tímido continuava a dar negas às raparigas, a dizer que só tinha trazido uns amigos e não tinha nada a ver com aquilo... Right!
Os maçaricos iam lá para dentro, um a um, cada um a foder a sua. Vinham de lá todos suados, a dizer que era para repetir e que nós éramos uns deuses do putedo. Nada que não soubéssemos já...
Um deles aviou-se em 5 minutos. Deve ter entrado, tirou as calças e veio-se, só pode. A amiga que foi com ele (uma já muito conhecida cá da malta) quando voltou lá nos disse: "trouxeram-me um virgenzinho hoje, foi?" Coitadito...
Eu estava tentado a ir para o quarto outra vez, com uma brasuca gordita que lá anda, que me fala sempre "muito gostoso" e que acha que eu tenho "cara de safado" - só para vossa informação, o meu sorriso faz alto sucesso em casas de putas. Cá fora, não sei se é um sorriso assim tão popular, mas lá a expressão "e aí, sorriso lindo" é muito frequente.
Eram 4 ou 5 da manhã e já se fazia tarde. Pegámos nos carros e levámos logo com uma operação stop. Os GNR's não devem gostar que a malta vá às putas enquanto eles estão de serviço e vão fodendo a vida ao pessoal. Felizmente, nada de grave e siga a marcha. Mais tarde, na auto-estrada, toma lá um carro da GNR disfarçado e uma hora a ser multado por excesso de velocidade - muita bom para acabar a noite, ó caralho.

P.S.: Sim, eu dou beijos às amigas. Sou "o" Apaixonado, ok?

5 comentários:

nAnonima disse...

MUITO BOMMMMMMM!

obrigada, Love Boy!

(vês como o Tímido me ama? ;)

Anónimo disse...

nAnonima, o Tímido ama-te MAS tem uma promessa a cumprir quando vier da Banda...

Testa dum Carneiro

nAnonima disse...

eu apoio-o em tudo! ele cumprirá essa promessa com o meu apoio ;)

O Tímido disse...

Obrigado pela confiança nAnonima!!

Beijo em ti

Anónimo disse...

DN.

obrigada pela descrição :)